Informação geral

Informação geral

Nesta seção, vamos responder às dúvidas mais comuns que surgem antes de viajar a qualquer país, especialmente quando se trata de um tão pouco conhecido como as Maldivas.

Idioma

O idioma oficial das Ilhas Maldivas é o dhivehi. Devido ao turismo e à pouca difusão da língua nativa no panorama internacional, os funcionários de qualquer hotel costumam falar um inglês quase perfeito. Se você visitar Malé ou outra ilha habitada, é possível que os problemas para se comunicar sejam maiores.

Um dado curioso é que a língua italiana é bastante utilizada. Isso porque foram os italianos os primeiros a descobrir os atrativos turísticos das Maldivas e ainda hoje são o seu principal mercado.

Hora oficial

A hora oficial nas Maldivas é GMT+5, isto é, 8 horas a mais que o horário de Brasília entre fevereiro e outubro e 7 horas a mais durante o verão.

Moeda

A moeda oficial na República das Maldivas é a rupia das Maldivas (MVR), mais conhecida como rufiyaa. De qualquer forma, todas as transações com os turistas se realizam em dólares americanos ou com cartão de crédito.

Atualmente, um real equivale aproximadamente a 4,80 rupias das Maldivas.

Religião

A imensa maioria dos maldivos pertence à religião oficial, o Islã sunita. Trata-se de uma sociedade pouco radical, na qual o papel das mulheres adquire grande importância. Os maldivos são um povo muito tranquilo, hospitaleiro e, sobretudo, muito acostumados ao turismo.

Eletricidade e tomadas

Nas Maldivas, as tomadas têm três entradas planas, por isso é necessário usar um adaptador para conectar os aparelhos elétricos. O melhor é comprá-lo antes da viagem, pois vai sair bem mais barato. Se você esquecer, sempre é possível comprá-lo no aeroporto ou pedir emprestado no hotel.

Documentação

Ao chegar no aeroporto da capital Malé, os funcionários da imigração vão disponibilizar de forma gratuita um visto de turista com validade de 30 dias. Para isso, é preciso ter um passaporte eletrônico com pelo menos 6 meses de validade, apresentar a passagem de avião de retorno e comprovar capacidade financeira (US$100 mais US$50 por dia) para se manter durante a viagem, que pode ser substituída pela confirmação de reserva de hospedagem. Além disso, os cidadãos brasileiros devem apresentar o comprovante de vacina contra a febre amarela.

O visto pode ser renovado por um período máximo de 90 dias (incluindo os primeiros 30 dias). Nesse caso, é cobrada uma taxa de 750 rupias. Você pode conferir mais informações no link abaixo:

Telefones úteis

  • Urgências médicas: 119.
  • Polícia: 110.
  • Prefixo das Maldivas: 960.
  • Embaixada do Brasil no Sri Lanka (a mais próxima às Maldivas): +94 11 556 69 00.